Cirurgia Online

Torne-se Membro Premium
Início arrow Conteúdo Médico arrow Cirurgia do Câncer Hepatobiliar

toggle shelf

patrocinio05.jpg
  patrocinio03.jpg
sanofiok.jpg
divulgueaqui.jpg

Autenticação

Cirurgia do Câncer Hepatobiliar Imprimir E-mail
Escrito por Administrator   
21-Out-2008

 

Autores:


Mauro Monteiro Correia
Eduardo Linhares Riello de Mello
Carlos Eduardo Rodrigues Santos

Editora:


Editora Revinter

Introdução:


O câncer hepato-biliar está associado a um mau prognóstico em nosso meio. Isto deve-se principalmente a três fatores : o diagnóstico tardio, a natureza multicêntrica da doença, e a impropriedade do tratamento.

Quanto ao primeiro fato temos que os tumores originados no fígado, vesícula e nas vias biliares só costumam causar sintomas em estágio avançado de doença . Contribuem tambem, um baixo índice de suspeição diagnóstica e a indisponibilidadedos os métodos semióticos e radiológicos adequados para a investigação na maioria dos serviços médicos primários e secundários.

A multicentricidade é uma característica presente nos tumores primários hepáticos e biliares que contribui de forma marcante para dificultar a estratégia terapêutica. O fígado também atua como um filtro natural, sendo sede de metástases que pioram o prognóstico da doença caracterizando um estágio avançado. Apesar disto, um percentual significativo de pacientes poderá ser tratado e curado.

Quanto à impropriedade do tratamento, esta deve-se a vários fatores. A baixa prevalência destas patologias primárias no Brasil, embora possa ocorrer uma subnotificação e muitos casos passarem desapercebidos, determina pouca oportunidade de treinamento . Consequentemente, maioria dos cirurgiões esta despreparado para a abordagem cirúrgica destas patologias e também, as condições hospitalares são deficientes para a magnitude destas cirurgias.Um sistema organizado e eficaz de referenciamento para centros especializados multidisciplinares, que contem com recursos diagnósticos e profissionais devidamente treinados na cirurgia hepato-biliar pode ser a solução para a inadequação do tratamento.

Por trabalharmos em um centro oncológico quaternário, pioneiro da moderna cirurgia hepática no Brasil, existente desde a década de 50 com os Drs. Luis Carlos de Oliveira a Ary Frauzino Pereira , e que tem como uma de suas metas o desenvolvimento da cirurgia hepato-biliar, dispondo hoje de profissionais experientes nesta área e de todos os meios diagnósticos e terapêuticos necessários para o tratamento multidisciplinar destes pacientes, é que nos motivamos a produzir um livro dedicado inteiramente à cirurgia do câncer hepato-biliar.

Este livro é dirigido ao cirurgião geral e aos oncologistas clínicos e cirúrgicos em formação. Nossa intenção é responder às questões objetivas mais usualmente suscitadas quando estamos diante de um paciente com câncer ou suspeita de câncer hepato-biliar. Para tal contamos com a inestimável colaboração de renomados especialistas de vários centros brasileiros e de convidados estrangeiros, cujos nomes se encontram entre os maiores expoentes da cirurgia hepato-biliar brasileira e mundial.

Queremos destacar a importância do conhecimento sobre o comportamento da doença, da anatomia, dos meios diagnósticos, da adequada seleção do paciente, das técnicas operatórias, das alternativas de tratamento e dos cuidados pré e pós- operatórios como pontos fundamentais para o sucesso do tratamento.

Esperamos que o leitor faça bom proveito, tenha uma leitura agradável e consiga transformá-la em benefício para si e para os seus pacientes.

Os Autores

Atualizado em ( 06-Nov-2009 )
 

toggle shelf